Digite a palavra-chave

24 horas de Olhar Universal

24 horas de Olhar Universal

24 horas de Olhar Universal

Período: outubro a dezembro de 2010
Local: Casa de Cultura Brasilândia
Educadores: Livia Motta, Arnaldo Pappalardo, Fernando Stickel e Teco Barbero
Público: pessoas com dificiência visual

Curso de fotografia para pessoas com deficiência visual visando despertar novos olhares e outras formas de inclusão. Realizado de outubro a dezembro de 2010, na Casa de Cultura da Brasilândia. Os participantes tiveram aulas sobre noções básicas de fotografia e ainda trocaram experiências sobre seus modos de ver. Contou com a coordenação de Tati Nolla e com a participação de fotógrafos renomados como Livia Motta, Arnaldo Pappalardo, Fernando Stickel e Teco Barbero – fotógrafo e jornalista deficiente visual – que dá o seu recado: Pretendo ensiná-los como usar os outros sentidos. Mostrar que é possível fotografar sem enxergar e que a fotografia é uma forma de inclusão social”.

Realizado em parceria com a Casa de Cultura da Brasilândia e a Secretaria do Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Foram beneficiadas 20 pessoas, entre as quais metade é portadora de deficiência visual.